Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘QR Code’

Que tal conhecer as atividades de artistas urbanos contemporâneos que deixam sua marca pelo mundo e interagir com eles em tempo real? Essa é a nova ação da Ballantine’s na sua fanpage no Facebook. Vídeos são divulgados através da página, mostrando os artistas em ação, como se estivéssemos vendo tudo através dos olhos deles. Ao mesmo tempo, os artistas interagem com os usuários que acompanham o processo, respondendo seus comentários ao vivo.

QR-Code tatuado que, quando escaneado pelo leitor, revela uma animação

Recentemente, dois exemplos muito legais foram divulgados. Otatuador francês K.A.R.L. tatuou o primeiro QR-Code no corpo de um amigo e transmitiu todo o processo ao vivo, interagindo com os fãs e respondendo seus comentários que eram feitos através da página no Facebook. O código tatuado realmente funcionou e, quando escaneado pelo leitor no smartphone, revelou uma animação muito legal (assista abaixo).

E preparem-se, porque no próximo projeto vocês poderão interagir com o grafiteiro 45 R.P.M. (assistam ao teaser abaixo, curtam a fanpage no Facebook e participem!) na criação de uma obra. A ação ocorrerá amanhã e será transmitida ao vivo (mais detalhes na fanpage da Ballantine’s no Facebook).

Fonte: PSFK

Read Full Post »

Entrar em um novo mercado, ainda mais numa cultura com tantas peculiaridades e tão diferente da ocidental, é um grande desafio para qualquer marca. Crescer em um novo mercado, principalmente quando a marca não pode investir na abertura de muitas lojas, é um desafio maior ainda.

Tesco descobriu uma maneira de encarar esses desafios e o resultado foi surpreendente! Usando a tecnologia e muita criatividade, a marca entrou no mercado sul coreano, mudou seu nome para Home Plus e, após uma grande ação feita no metrô e baseada no uso de QR-Code, conseguiu aumentar não apenas suas vendas online em 130%, bem como o número de consumidores registrados em 76%. Dessa forma, tornou-se a número 1 na Coréia do Sul, ultrapassando a concorrente E-Mart, sem abrir mais lojas além das que já tinha.

Para entender melhor como funcionou a estratégia de marketing, assista ao vídeo abaixo.

Fonte: Sparksheet

Read Full Post »

Atenção, atenção para a novíssima campanha da Diesel que combina redes sociais e QR-Code!

O projeto piloto está sendo testado na loja da marca em Madrid e permite que os consumidores dentro das lojas compartilhem suas impressões sobre as peças através de seus perfis em redes sociais. O processo não consiste em tirar uma foto e postar no seu mural, mas sim em escanear um QR-Code (cada produto tem um) e acessar uma página onde vcê poderá “curtir” o produto. Depois disso, o conteúdo será publicado no seu perfil do Facebook.

Já dá para curtir os produtos da Diesel na vida real!

A marca partiu da premissa que as pessoas adoram compartilhar os melhores momentos das suas vidas, o que elas pensam e, é claro, o que elas gostam (e não é a mais pura verdade?). Segundo  estimativa, o botão “like” é acionado 3 bilhões de vezes por dia! Depois de observar tudo isso, não dava para deixar passar essa oportunidade, não é?

Fonte: Independent

Read Full Post »

Lembram quando falamos sobre o uso de QR Code na vitrine da Nike na Bélgica? Parece que a onda também acertou em cheio a Calvin Klein. Após ter seus outdoors censurados, a empresa resolveu censurar sua própria campanha de outono 2010 da Calvin Klein Jeans.

A empresa apostou no QR Code nos outdoors de Nova Iorque e Los Angeles que, após ser reconhecido através da câmera do celular, revela um vídeo de 40 segundos, não censurado, do qual participam a polêmica Lara Stone e um quarteto de modelos masculinos.

O outdoor da CK com o QR Code que, depois de decodificado, revela o vídeo da campanha CK Jeans, cujas fotos foram censuradas

A campanha, que foi fotografada em preto & branco por Mert Alas e Marcus Piggott, pode ser compartilhada via Facebook e Twitter após ser decodificada. Detalhe: isso aconteceu em julho deste ano.

Outra empresa que explorou o QR Code bem antes de todas as outras foi a Louis Vuitton, em parceria com o artista multimídia japonês Takashi Murakami, seu colaborador de longa data. QR Code (quick response code) é um código-matriz que permite que seu conteúdo seja decodificado em alta velocidade. Apontado como a evolução do código de barra, o QR Code da Louis Vuitton foi desenvolvido pela agência japonesa SET, com a arte de Murakami, em 2009.

O QR Code da LV, criado em 2009, uma parceria da agência SET com o artista Takashi Murakami

Fonte: Fashioning Tech,  Stylelist

Read Full Post »

Com o avanço dos celulares, tudo mudou em nossas vidas e no mundo. Hoje em dia quase ninguém pensa em viver sem o seu smartphone, seja ele qual for. Sentimos até uma certa “exclusão social” quando não podemos nos conectar ao mundo virtual a qualquer momento: no meio da rua, durante o almoço, no caminho para o trabalho, etc.

Os aplicativos das redes sociais facilitam nossa interação com amigos e até mesmo com empresas e marcas que admiramos e cujos produtos consumimos e, como sabemos, existem muitas maneiras através das quais podemos fazer isso. Para manter maior controle sobre as informações e tornar a comunicação mais dinâmica, várias redes sociais estão integradas – hoje em dia, podemos “curtir” posts nos blogs e a informação aparece também no Facebook, como também podemos dividir o link do post que gostamos no Twitter, e por aí vai.

A Nike, contudo, foi além, o que não nos espanta nem um pouco, ainda mais quando se trata da empresa que mais divulga o estilo de vida relacionado à corrida, que provavelmente é o esporte mais democrático, dinâmico e desafiador que existe.

A empresa resolveu experimentar o uso do QR Code na sua loja na Bélgica. Funciona assim: você vê a vitrine e, se gostar dos produtos, basta fotografar o QR Code e automaticamente aparece  um “like” no seu perfil do Facebook.

A vitrine interativa da Nike, na Bélgica

Segundo o site Brainstorm9, o QR Code é extremamente popular entre os publicitários, mas o uso geralmente é complicado, pois os smartphones não são padronizados para ler os códigos, sendo necessário fazer download de um software. No caso da Nike, o processo é facilitado através do Likify, uma ferramenta que gera QR Codes customizados com o Facebook com apenas meia dúzia de cliques.

Likify ajuda a gerar 'Facebook-likes' usando QRCodes

Fonte: Brainstorm9, via Marcelo Cortazio

Read Full Post »