Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘realidade aumentada’

3D Mapping projection (mapeamento 3D ou projeção com realidade aumentada), sobre a qual falamos anteriormente em alguns posts, parece ser a nova maneira “básica” de anunciar o lançamento de um produto, animar um evento, etc. A evolução dessa tecnologia dá saltos gigantescos a cada vídeo que assistimos e é impossível não ficar de boca aberta com tantas novidades!

Abaixo, dois bons exemplos dessa nova maneira de comunicar produtos e marcas – o primeiro, da Hyundai, lançando seu novo carro, o Accent; em seguida, Adidas lançando uma nova campanha mundial em Paris, com uma projeção combinada com apresentação do DJ Cut Killer. Quando será que teremos grandes exemplos como esses acontecendo aqui no Brasil, hein?

Fonte: B9

Read Full Post »

Já falamos aqui sobre realidade aumentada algumas vezes ( basta clicar aqui, aqui e aqui). Aparentemente não há nenhuma novidade, mas adoramos o virtual fitting room que a agência russa AR Door, especializada em realidade aumentada, desenvolveu para a Topshop com foco no lançamento da coleção de vestidos Dress Up.

Também queremos um provador virtual por aqui...

Um quiosque especial foi instalado na flagship store da marca em Moscou, no começo de maio, usando as mais sofisticadas tecnologias disponíveis no mercado: realidade aumentada e Microsoft Kinect. A primeira permite que clientes selecionem uma peça de roupa das araras sem precisar experimentá-la fisicamente. Assim, o consumidor poderá se ver numa tela com uma imagem em 3D do modelo escolhido. Por sua vez, a tecnologia Kinect permite que o usuário controle o programa com gestos simples, clicando em botões virtuais como se tocasse o ar.

Para entender melhor, que tal assistir ao vídeo abaixo?

A grande novidade, utilizada pela primeira vez no mundo, é que o cliente poderá ver tanto a frente quanto a parte de trás da peça que escolher. Sensacional!!

Fonte: Wired

Read Full Post »

Não podemos evitar os avanços da tecnologia e adoramos quando ela é bem empregada, ainda mais no mercado de moda. É tão legal ver uma marca com anos de mercado despertar o interesse dos consumidores através de um novo recurso, apostando suas fichas no mistério/curiosidade  ao usar um QR Code ao invés de tradicionais outdoors, como fez a Calvin Klein.

Também mencionamos a utilização da realidade aumentada pela Maria Filó durante o lançamento de uma linha de camisetas de edição limitada, quando abordamos o assunto do marketing sensorial, e pela Tissot. E, finalmente, não podemos esquecer da Nike Bélgica, que promoveu a interação entre vitrine e redes sociais através do QR Code, tornando possível “curtir” os produtos da vitrine após clicar o código colado em seu vidro.

Mas e se toda essa nova onda tecnológica invadisse os interiores das lojas e nos ajudasse a escolher aquela produção especial? Nem sempre carregar mil cabides para dentro de um provador é uma experiência agradável e, ainda por cima, é quase sempre impossível pedir a opinião de um (a) amigo (a), porque a área de provadores pode ser bem pequena, ou restrita às mulheres, ou viver lotada.

A Macy’s resolveu todos esses problemas com o auxílio da realidade aumentada, do Ipad e das redes sociais. Em parceria com a empresa LBi a experiência no provador foi reinventada e poderá ser testada na Macy’s Herald Square durante novembro deste ano. O recurso foi lançado durante o evento Fashion’s Night Out em setembro e já foi experimentado por milhares de pessoas.

O "espelho mágico" da Macy's, a marca de 150 anos que está de olho nos consumidores mais jovens

Dentro de cada cabine do provador o cliente encontrará um espelho de 72 polegadas e multi-touch, além de um Ipad. Em seguida basta escolher a roupa desejada no aplicativo do Ipad e transferir a imagem para o seu reflexo no espelho com apenas um simples movimento do seu pulso. E, naturalmente, as fotos do cliente (tiradas através de uma câmera presa ao espelho) “usando” a roupa poderão ser compartilhadas nas redes sociais ou através de email ou SMS (assim, o feedback dos amigos está garantido, mesmo que eles não possam acompanhá-lo às compras).

Fonte: PSFK

Read Full Post »