Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘vitrines interativas’

Estudiosos de varejo, com o auxílio da tecnologia, estão se preparando para dar o próximo passo quando o assunto é interatividade: eles querem que os consumidores comprem diretamente das vitrines, através de displays interativos. Isso seria o fim do window-shopping, que muitas vezes nos salva de surpresas desagradáveis quando chega a fatura do cartão de crédito, não é mesmo?

Cientistas do Instituto de Telecominucações Fraunhofer, na Alemanha, estão desenvolvendo uma nova tecnologia  que permitirá aos consumidores interagir com os displays nas vitrines através de gestos ou expressões faciais. Usando tecnologia de imagem 3D, os alemães pretendem evoluir na sua pesquisa e desenvolver displays que possam até mesmo rastrear tendências de consumo.

Boa idéia para quem não acha muito higiênica toda a tecnologia touch que já se encontra disponível em diversas lojas. A nova tecnologia usará câmeras integradas aos displays nas vitrines para mapear expressões faciais e gestos e gerar som e imagem em 3D que, então, passarão por um software de visualização que ajudará a controlar o display.

Assim, através dos seus gestos, o consumidor poderá selecionar determinado produto e ver todas as opções disponíveis. Suas preferências aparecerão num display na vitrine, no qual ele poderá ver o produto, inclusive em detalhe e saber mais informações sobre ele.  Só que isso é apenas o básico. Até mesmo o pagamento poderá ser feito através desse sistema interativo.

De acordo com Paul Chojecki, cientista no Instituto Fraunhofer, os displays interativos não irão armazenar dados pessoais, como expressões faciais. Por outro lado, o sistema beneficiará os proprietários de lojas e seus gestores, fornecendo informações em primeira mão sobre os interesses dos consumidores.

A técnica de window-shopping há anos ajuda o consumidor a evitar os rombos no orçamento, mas isso provavelmente mudará em breve. O primeiro protótipo de vitrine interativa aparecerá na feira CeBit em Hannover, em março de 2011.

E para provar que lá fora parte desse tecnologia já está ganhando bastante espaço, que tal rever o vídeo sobre a vitrine interativa da Diesel, sobre a qual falamos aqui? Uma prova de que todo o sistema de leitura de movimentos do consumidor do outro lado do vidro já está acontecendo com força, principalmente nos Estados Unidos.

Outras empresas também já investiram em sensores de captam os movimentos dos clientes e interagem com ele. Assistam os vídeos abaixo da Sony e Timberland.

Para quem gosta de música e não teme os germes nas telas dos gadgets modernos, a experiência abaixo é perfeita!

Resta agora refletir sobre o futuro dos espaços comerciais, shopping centers e de diversas pessoas que hoje sobrevivem graças aos seus cargos no varejo. Contudo, não há motivo para temor: conforme nos ensinou Francesca Muston (mais sobre o assunto aqui), o perfil do consumidor brasileiro é totalmente favorável à manutenção de lojas que ofereçam atendimento pessoal. Ufa!

Fonte: Elite Choice, Magazin Deutschland

Read Full Post »